Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Fenômeno Artista mais ouvida do Brasil, Pabllo Vittar vem ao Vaca Amarela nocautear os críticos
22/09/2017 22:51 em Música

Fenômeno
Artista mais ouvida do Brasil, Pabllo Vittar vem ao Vaca Amarela nocautear os críticos
22/09/2017 17h55 Por Augusto Diniz Edição 2202
Com sete atrações, festival chega ao Palácio da Música, no Centro Cultural Oscar Niemeyer, tem a goiana Chell às 20 horas desta sexta (22/9) e vai até 1 hora de sábado (23), quando a maranhense sobe ao palco
Não foi sem motivo que os 3 mil ingressos colocados à venda para esta sexta-feira (22/9) de show do 16º Festival Vaca Amarela, no Palácio da Música, que fica no Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON), esgotaram na quarta (20). Para alegria dos desesperados por perderem o show da Pabllo Vittar no evento de hoje, a Fósforo Cultural abriu uma carga extra de passaportes, que valem para a sexta e o sábado (23) no Palácio da Música, pelo valor de R$ 200 (clique aqui para comprar).
Em tempos sombrios como os atuais, em que a conta da uma artista no YouTube é invadida e seus vídeos são retirados do ar, como aconteceu com a drag queen maranhense Pabllo Vittar, também vítima de um abaixo-assinado contra a sua apresentação em Anápolis (GO) por afrontar os valores cristãos, artistas como a figura criada pelo homem de orientação sexual homossexual Phabullo Rodrigues da Silva, de 22 anos, se fazem mais do que necessárias no lugar em que estão.
E no caso de Phabullo, que dá vida à drag Pabllo Vittar, e que aos 18 anos era Pabllo Knowles em homenagem à diva americana do pop Beyoncé, ser a artista mais ouvida do Brasil da atualidade, com três músicas entre as cinco mais ouvidas em todo o País no Spotify, é mais do que significativo. Ainda mais por ser a primeira drag queen a entrar na parada comercial de sucesso das rádios brasileiras, a drag com o maior número de visualizações em um único vídeo no YouTube em todo o mundo, superando a revolucionária e histórica RuPaul, de 56 anos.
O disco lançado em janeiro, Vai Passar Mal, que foi relançado pela Sony Music no dia 21 de agosto, mostra uma artista com a qualidade que a fez ultrapassar o preconceito bobo de ser uma cantora de apenas um público. Pabllo extrapolou os limites – se é que essa besteira pode ser levada a sério – da identificação com o universo LGBT e se tornou a maior artista pop brasileira do momento. De forma merecida.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
AdSense
rodape primavera